Matheus Cavichioli diz que temporada do Oeste serve de lição

Para o goleiro Matheus Cavichioli, é necessário aprender com todas as situações para crescer como equipe. No Campeonato Paulista de 2019, o Oeste ficou em terceiro no Grupo D, e não se classificou por uma diferença de dois pontos com relação ao Ituano, que foi às quartas de final do estadual. Pela Série B, a equipe não conseguiu engrenar e disputou o rebaixamento até a trigésima sétima rodada, quando empatou com o Vila Nova, e com o empate do Figueirense contra o CRB, escapou da degola.

– Tudo é aprendizado e lição, seja uma situação a boa ou ruim, tirar lições de tudo a todo momento faz com que estejamos em constante crescimento – analisa o jogador.
O goleiro, que teve uma fratura na mão, em partida disputada contra o Figueirense pela sétima rodada da Série B, avalia sua temporada de forma positiva, apesar de poucos jogos pela competição nacional.

– Obtive bons resultados no paulista e mesmo com a fratura, cirurgia e poucos jogos no brasileiro, acredito ter tido uma temporada mais para o lado positivo do que negativo – diz.

Por todas as situações em que esteve envolvido, o goleiro considera que o ano foi bom para ele e para a equipe.

– Jogar um Paulista, ir bem, ter uma lesão a nível cirúrgico e ainda assim conseguir voltar a jogar, e conseguir deixar o clube na Série B que foi onde o encontramos é motivo de se olhar só o lado bom de 2019 – finaliza.

O Oeste disputa a última rodada da Série B contra o rebaixado Criciúma, nesta sexta-feira, às 21h30, na Arena Barueri. O GloboEsporte.com acompanha a partida em Tempo Real, com vídeos dos principais lances.

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS

Estreante na Copa do Brasil, Gustavo Henrique aposta em boa fase do Brusque para classificação
Destaque em SC, volante desbanca "medalhões" e já entra na mira de grandes